Sobre

Sou formada em Psicologia desde 1991 e criei “O Espaço Terapêutico Maria de Lourdes Serafim em 1993”.

Minha proposta como psicoterapeuta corporal é sempre oferecer, da melhor maneira possível, um trabalho ao mesmo tempo profissional e humano.

Para tanto iniciei minha especialização em psicoterapia corporal na E.P.P. A (Escola Paulista de Psicologia Avançada). Nesta mesma instituição especializei-me também em Psicologia Hospitalar e também fiz vários cursos de aprendizagem clínica.

Contudo, minha maior identificação teórica foi sem dúvida alguma a “Análise Bioenergética do Corpo”. Assim, ingressei no I.I.A.B.S.P. (Instituto Internacional de Análise Bioenergética de São Paulo), o qual é filiado ao International Institute for Bioenergetic Analysis of New York o qual também possui filiais no mundo todo.

Após seis anos de formação conquistei o meu CBT (Certificado de Terapeuta Bioenergético), o qual, realmente me orgulha muito.

Durante todos esses anos de aprendizagem e exercício de minha profissão, tive como prioridade “os meus pacientes”, pois, sem eles, não teria conquistado nada em minha vida profissional.

Apesar dos grandes investimentos na área clínica, a área da saúde sempre fez parte de minha vida. Inicialmente tive a experiência de aprimoramento profissional no hospital São Cristóvão onde conheci e trabalhei em diversas áreas. Assim segui com a pós-graduação no hospital Albert Einstein. Através dela pude ter experiências maravilhosas na clínica médica do Hospital Municipal do Campo Limpo, tanto na assistência direta ao paciente como no trabalho com a equipe multiprofissional. Recentemente fiz um aperfeiçoamento em psicooncologia no IOSP (Instituto de Oncologia Santa Paula) do hospital Santa Paula – neste compreendi profundamente a importância dos cuidados paliativos.

Assim, hoje trabalho com vários tipos de pacientes. Tanto os que querem buscar seu autoconhecimento ou os que querem resolver dificuldades emocionais importantes, como também, atendo tanto em consultório ou em home care pacientes oncológicos dedicando a estes – escuta, acolhimento e incentivo no que se refere ao enfrentamento da doença e do tratamento.

Agradeço a Deus e a todos os meus queridos pacientes, por me darem o privilégio de conhecer suas vidas e ajudá-los com meus conhecimentos e afeto. Com todos, tive a oportunidade de amadurecer, não só como profissional, mas essencialmente como pessoa. Portanto, de “A a Z”

para todos os que já estiveram, os que ainda estão, e, para os que um dia virão estar sob os meus cuidados segue um grande abraço repleto de gratidão.
“LURDINHA”.

Dor crônica

Reflexões sobre a intervenção psicológica ambulatorial junto a pessoas portadoras de dor crônica. Definição e sintomas: …

As pessoas nunca esquecerão o modo pelo qual você as faz se sentir.

As pessoas nunca esquecerão o modo pelo qual você as fez se sentir… Quando eu ainda era um menino, ocasionalmente, …

O que é cuidado paliativo

Cuidado paliativo é a abordagem que promove qualidade de viagra femme https://www.viagrasansordonnancefr.com/ france video …